segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Assim não há cu que aguente...

E já não bastava o governo, a troika e uns e outros que se me atravessam no caminho...
Hoje fui no centro de saúde (depois de anos sem lá meter os pés) e saí de lá com uma credencial para uma... colonoscopia total.
É que não podia ser outro exame qualquer... não... tinha de ser especificamente este...
Assim não há cu que aguente...


...

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2013

Instinto materno

E há dois dias atrás acabei de descobrir que o instinto materno é o melhor dos oráculos.
Percebi a diferença entre medo e premonição e, comecei a acreditar que realmente há anjos e demónios.
Durante semanas ouvi-os na minha cabeça a discutirem entre si sem lhes dar muita importância, que não fosse aquela associada ao medo.
Normalmente o diabinho ganhava as discussões, mas eu não queria ouvi-lo. Talvez por isso ele quis mostrar um ar da sua graça e, quase conseguiu...
Felizmente o anjinho desta vez foi mais forte...

Moral da história:

Daqui para a frente dificilmente voltarei a duvidar dos meus instintos...


...

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2013

Carnaval é como cada um quiser...

E este Carnaval está a passar um pouquinho ao lado.
Eu sinceramente já não sou muito apreciadora da época.
O tempo também não está a colaborar de forma simpática.
O piolhito tem uma cirurgia marcada para a próxima segunda-feira, o que o proíbe de ficar doente até lá.
Portanto, é Carnaval e ninguém pode levar a mal... que eu passe uma noite gelada e chuvosa, refastelada no sofá com um grande balde de pipocas, um livro de lenga-lengas, o "ParaNorman" no ecrã e, o calor do aquecedor e do piolhito como companhia.
Pode não ser o mesmo que dançar o samba, mas é deveras aconchegante:)


...

domingo, 3 de fevereiro de 2013

À letra...

Quatro horas de Assembleia Geral.

Todos os requisitos cumpridos à letra...

 Suficientemente "Ordinária" e "Extraordinária", conforme prometido na convocatória.


...

sexta-feira, 1 de fevereiro de 2013

E hoje apetece-me ouvir isto...



Sempre gostei imenso deste senhor. O timbre da sua voz e o estilo das suas musicas sempre mexeram comigo ...
E hoje não sei porquê acordei com este tema na cabeça e andei a trauteá-lo o dia inteiro. Portanto...  agora tenho de partilhá-lo porque já é musica a mais para uma rapariga só:)

Bom fim de semana ao som de... Johnny Cash e dos seus Ghost riders in the sky.


...

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

Leilão Solidário

Leilão Solidário no Blog da Turista Acidental. Termina hoje, portanto passem por lá e, se puderem contribuam. É para uma boa causa.


...

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Não há-de uma gaja andar chateada...!? Parte III


Ontem vi o meu recibo de ordenado e... Sem comentários. Acho que a imagem fala por mim.

E depois não há-de uma gaja andar chateada!?


...

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

Não há-de uma gaja andar chateada...!? Parte II


No dia 22 de Dezembro o meu Pai Natal (leia-se moi même) ofereceu-me o smartphone dos meus sonhos. Fui buscá-lo diretamente a uma loja TMN perto de mim e fui atendida por uma funcionária cinco estrelas, que lhe fez de imediato as primeiras configurações e explicou-me tudo o que havia a explicar inclusive “que ia desligar os dados móveis para que o mesmo não debitasse internet sem eu me aperceber”. Tudo bem, sai da loja satisfeita e bem impressionada com o atendimento TMN.
A véspera de Natal foi passada com o mano, perito em tudo o que é tecnologia e possuidor de um equipamento semelhante, que me fez a mesma advertência da funcionária da loja “A menos que precises, tem atenção aos dados móveis que devem manter-se sempre desligados, senão corres o risco de te debitarem internet sem fazeres uso dela”
Ora com tanto aviso e, ainda sem ter aderido a nenhum pacote de dados, tornei-me a nazi da internet, tudo desligadinho  e nada de mexer, não fosse o diabo tecê-las. Mas comigo o diabo está sempre atrás da porta. Passados uns dias reparei que o meu saldo tinha emagrecido consideravelmente. Entro no site da TMN, consulto a minha conta e... voilá, várias utilizações diárias todas elas cobradas a €1,07 por dia. Fantástico.
A partir desse dia tudo continuou ainda mais fantástico, duas chamadas para a linha de apoio, duas visitas à loja e nada é resolvido. Entretanto aderi a um pacote de 150 Megas para não estar a perder dinheiro diariamente, portanto agora, deixaram de desaparecer Euros para começarem a desaparecer Megas, que é assim muito mais à frente... dinheiro é coisa de pobre.
Até hoje,  precisamente um mês, um dia  e duas reclamações depois, nada de resposta por parte da TMN. Os funcionários, limitam-se a encolher os ombros e a dizerem que não percebem o que se passa, reportam a situação e pedem-me para aguardar resposta por parte da empresa. E eu vou aguardando sem conseguir usufruir a 100% do bichinho, porque ando a seguir as instruções dos senhores para continuar a manter tudo desligado, de forma a controlar os débitos até à possível resolução do problema. Só que a possível resolução do problema, revela-se demorada e a minha paciência anda a esgotar-se diariamente à mesma velocidade dos megas.
Mas o pior de tudo isto, é que começo a ficar com medo…  Este já é o segundo aparelho cá em casa que parece criar vida própria e fazer o que lhe dá na real gana. O esquentador funciona quando quer, este navega na Internet (espero que não ande a ver pornografia).  Até tenho medo de um dia entrar em casa e ser atacada pela televisão ou sei lá… pela torradeira.

E depois não há-de uma gaja andar chateada!?


...

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Não há-de uma gaja andar chateada!?... Parte I


Alguém que me explique e me tire todas as dúvidas como se eu fosse muito burra:
O esquentador avaria. Eu chamo um técnico que me diz tratar-se de falta de ventilação. Respondo-lhe que não pode ser esse o problema e recebo um olhar condescendente que diz... afinal quem é o técnico aqui?... Leva o esquentador e entrega-o no dia seguinte.
No dia da entrega eu não estava e coube ao macho da casa (aquisição mais recente relativamente ao esquentador, logo desprovido de informação preciosa) desembolsar 45 Euros para receber técnico, esquentador e a explicação que o problema iria persistir por ser provocado, lá está... por falta de ventilação. Arranjo propriamente dito? Uma limpeza geral e uns apertos aqui e acolá… não fosse eu pretender lamber o aparelho e ficar com alguma peça agarrada à língua...!?
Ora então é assim, eu tenho um esquentador VENTILADO, mais caro que um esquentador comum, precisamente por não dispor da ventilação adequada. Sempre ouvi dizer, que os mesmos são fabricados para estas situações em particular. Certo? Ou serei eu que entendi mal?
Mais. O dito cujo funcionou lindamente durante treze anos e agora querem-me fazer acreditar, que de repente, assim do nada, criou vida, deu-lhe um click e começou a pensar para com os seus botões... ai que não consigo respirar como deve ser, ai que estou a ter um ataque de asma, ai que esta gaja está a querer matar-me de enfisema... E tcharam... passa do click para o chilique, e começa a desligar-se a meio dos banhos só pelo prazer de me lixar a vidinha e, de me ouvir dizer palavrões enquanto a água fria me escorre pelo lombo abaixo?
É que só pode! E chego à conclusão que é asma. Digo isto pelo facto destes chiliques serem desde sempre esporádicos, têm dias, ora há um dia em que aguenta perfeitamente um banho de três horas (salvo seja), ora há outro dia em que ao fim de três minutos já está a ir-se abaixo, a acender luzes vermelhas de alerta e a deixar uma gaja pendurada  e a bater o dente, enquanto espera que sua excelência se recomponha e volte a respirar água quente. E agora? Vou chamar a isto FALTA DE VENTILAÇÃO? Então porra, o ar que o rodeia não é igual todos os dias? É diferente dos últimos treze anos? Há dias mais arejados que outros, dentro do armário que o resguarda?
E a remoer estes pensamentos cá ando eu, com menos 45 Euros, um esquentador que continua sem funcionar decentemente e, uma explicação que não me convence de todo. 
E depois não há-de uma gaja andar chateada!?


...