domingo, 25 de setembro de 2011

Olho p'ró negócio...

Pronto, estou pelos cabelos com a porra da crise, depois de muito pensar numa forma de arranjar um dinheirito extra, cheguei à conclusão que os únicos negócios que rendem sempre qualquer coisita são os bares e a prostituição. Ora o meu gajo já está no negócio dos bares e não nos vejo a enriquecer, portanto, a mim resta-me... abrir um bordel (o que é que essas mentes depravadas já estavam a imaginar!?). Segundo estatisticas a procura continua a ser muita e, nada como um ambiente legalizado e com a devida higiene e segurança, para garantir uma clientela assidua. Está decidido um bordel será, mas masculino, of course... porquê? Ora, se o negócio abrir falência... posso sempre comer o stock, afinal estamos em crise, certo!?



                                                                              ;)

5 comentários:

  1. lol

    Boa sorte e que a falência seja rápida:)

    ResponderEliminar
  2. Bella querida
    Só tu mesma para me fazeres rir.
    Vai em frente tendo em conta a crise.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  3. Muito bem pensado...não precisas de sócia? :)

    ResponderEliminar